Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > NEA - Núcleo de Estudos em Agroecologia > Uncategorised > IFSP e UNIRP acompanham a OCS do Assentamento Córrego Rico
Início do conteúdo da página

IFSP e UNIRP acompanham a OCS do Assentamento Córrego Rico

Publicado: Sexta, 06 de Outubro de 2017, 12h41 | Última atualização em Sexta, 06 de Outubro de 2017, 13h24 | Acessos: 771

No dia 30 de setembro de 2017, cerca de 80 estudantes dos cursos de Licenciatura em Química do IFSP e de Agronomia da UNIRP, acompanhados das professoras pesquisadoras e dos/das técnicos/as do NEA/IFSP, juntamente com os/as agricultores/es e comunidade consumidora realizaram uma atividade de acompanhamento da Organização de Controle Social para a Certificação de Produtos Orgânicos de 11 famílias assentadas.

A atividade iniciou-se às 9 horas da manhã com um Seminário Educação, Participação e Produção Orgânica: caminhos para a certificação. Foram realizadas palestras sobre a História do Assentamento, o papel da Educação não-formal nas ações participativas na Agroecologia, e a Certificação Orgânica, com as falas da Tânia Mara Baldão, agricultora assentada e representante da Associação e do Grupo de Mulheres, a Profª Drª Sany Spínola Aleixo, da UNIRP e a Coordenadora do NEA Profª. Drª. Alexandra Filipak.

Foto 1: Abertura da Atividade - Coordenadora do NEA. Créditos da Foto: Alexandra Filipak

Foto 2: Educadora e Agricultora Ana fala da Educação e do papel da Juventude nos Assentamentos. Créditos: Alexandra Filipak

Após essa atividade, foi realizado um almoço coletivo oferecido pelo Grupo Produtivo de Mulheres do Assentamento Córrego Rico e comercializado seus produtos.

 Foto 3: Almoço Agroecológico sendo servido pelo Grupo de Mulheres do Assentamento. Créditos: Alexandra Filipak

No período da tarde os grupos de estudantes se distribuíram nos lotes das famílias que estão participando da OCS. O objetivo foi realizar o diagnóstico para elaborar o Plano de Manejo Orgânico de cada agricultor/a agroecológico.

Os péoximos passos serão realizados em conjunto com o NEA e as famílias agricultoras para envio do material ao MAPA - Ministério da Agricultura responsável pela certificação, assim como a metodologia de acompanhamento da OCS que envolve diferentes atores: agricultores/as, consumidores/as, técnicos/as e pesquisadores/as, assim como o Estado.

Foto 4: Grupo de estudantes sendo divididos para atividades com as/os agricultoras/es. Créditos: Alexandra Filipak

Foto 5: D Alzira, agricultora recebendo a visita dos/das estudantes para fazer o seu Plano de manejo Agroecológico. Créditos: Alexandra Filipak

Fim do conteúdo da página